Fundação de Apoio à Pesquisa do DF destina R$ 14 milhões para projetos de biotecnologia e nanotecnologia

A Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAP-DF) distribuirá R$ 14 milhões para a área de Ciência, Tecnologia e Inovação em Brasília.

A verba será destinada a quatro projetos de pesquisa em biotecnologia e nanotecnologia — dois da Universidade de Brasília (UnB) e dois da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

Os recursos serão repassados às duas instituições de pesquisa, cujos projetos foram aprovados por meio da Chamada Nacional nº 16, de 2014.

Além dos R$ 14 milhões da FAP-DF, os quatro projetos de pesquisa receberão R$ 10,02 milhões do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação, por meio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Os projetos contemplados são:

  • Ativos biotecnológicos aplicados à seca e pragas em culturas relevantes para o agronegócio — Embrapa Cenargen (Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia)

Total investido: R$ 3.535.207

  • Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Biologia Sintética — Embrapa Cenargen

Total investido: R$ 3.499.999,90

  • Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Estudos Tectônicos — UnB

Total investido: R$ 3.538.468,67

  • INCT Odisseia: observatório das dinâmicas socioambientais e demográficas — UnB

Total investido: R$ 3.408.000

Leia a notícia na íntegra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *